Coronafarsa IV

Corroborando com o dado trazido pela doutora Gracian Li Pereira na postagem anterior (a cada 1% de aumento na data de desemprego há um aumento de 0,5% na taxa de mortalidade):

https://cnts.org.br/noticias/recessao-resultou-na-morte-de-mais-de-30-mil-brasileiros-diz-pesquisa-internacional/

The Lancet – A recessão econômica no Brasil resultou em um número maior de mortes em populações vulneráveis

https://www.analisepoliticaemsaude.org/oaps/noticias/37dec82f7b968aeb8b65a7fc5ad9ef99/

http://www.associacaopaulistamedicina.org.br/noticia/estudo-associa-crise-economica-ao-aumento-de-31-mil-mortes-no-brasil

https://www.ipea.gov.br/portal/index.php?option=com_content&view=article&id=35110

https://www.nexojornal.com.br/entrevista/2019/11/24/O-elo-entre-recess%C3%A3o-e-mortalidade-segundo-este-economista

https://mises.org.br/article/3246/fatos-e-dados-medicos-comprovam-desemprego-mata–e-quanto-mais-tempo-durar-a-quarentena-pior-sera

https://scielosp.org/article/csc/2019.v24n12/4395-4404/pt/

https://www.metropoles.com/saude/taxa-de-mortalidade-no-brasil-aumentou-durante-crise-economica

A recessão teve consequências mais nefastas que o aumento do desemprego

https://oglobo.globo.com/economia/estudo-inedito-aponta-31-mil-mortes-causadas-pela-recessao-economica-no-brasil-24017902

https://ufmg.br/comunicacao/noticias/aumento-do-desemprego-e-pobreza-podem-explicar-crescimento-da-mortalidade-infantil

https://www.boasaude.com.br/noticias/9039/desemprego-aumenta-o-risco-de-mortalidade.html

https://www1.folha.uol.com.br/folha/reuters/ult112u16594.shtml

https://saense.com.br/2019/10/crescimento-do-desemprego-aumenta-taxa-de-mortalidade/

Se observarmos as últimas décadas, morreram por ano 1 milhão e 200 mil pessoas no Brasil. A taxa de desemprego medida acima é a de empregos formais, atualmente em 12 milhões de desempregados – isso ocorre porque a cada emprego formal que é perdido perde-se um outro tanto de empregos informais e há uma redução no poder aquisitivo de trabalhadores autônomos. Estima-se que nos próximos meses o número de desempregados aumentará para 17 milhões – um aumento acima de 40%. Se houver um aumento de 20% na taxa de mortalidade (por todas as causas), calculem quantas mortes a mais podemos esperar em decorrência desse aumento no desemprego nos próximos anos.

Além do aumento da miséria dos que sobreviverão, essas são as mortes que colheremos por postergarmos em alguns meses a contaminação que sabemos ser inevitável.

Não é preciso ser um gênio para ver que a crise econômica matará muito mais pessoas do que esse patógeno.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s